Travessias
Acessibilidade A+ A- C

Terceira gaveta volta a operar no atracadouro do Guarujá

A partir de sexta-feira, 03/12/2010, a travessia Santos/Guarujá passa a contar novamente com 3 gavetas

A partir de sexta-feira, 03/12/2010, a travessia Santos/Guarujá passa a contar novamente com 3 gavetas e um flutuante nas operações de embarque/desembarque no lado Guarujá

A partir de sexta-feira, 03/12/2010, a travessia Santos/Guarujá passa a contar novamente com 3 gavetas e um flutuante nas operações de embarque/desembarque no lado Guarujá.

Em apenas 4 meses a gaveta, danificada pelo cargueiro panamenho Nena A, foi totalmente recuperada. Com cais de concreto de 40 metros, rampa de 20 metros de comprimento por 10 de largura e dotada de moderno sistema de acionamento com pistão hidráulico, permite que a operação embarque/desembarque seja feita rapidamente. "O esforço realizado pela DERSA permitiu que fosse cumprida a meta de entrega da obra antes do início da temporada de verão", afirma Nelson El Hage, diretor de Operações.

O acidente

O Nena A chocou-se contra o píer na madrugada de sábado, 31/07/2010, quando deixava o Porto de Santos. No horário a operação das travessias estava paralisada por causa de forte neblina. O cargueiro bateu de frente no píer, danificando seriamente a estrutura da gaveta 3. A rampa de desembarque não foi atingida, nem a balsa FB 23, que estava dentro do atracadouro no momento da colisão. Ninguém ficou ferido.