Rodoanel Norte
Acessibilidade A+ A- C

Senado aprova empréstimo do Banco Interamericano para as obras do Trecho Norte do Rodoanel

O Rodoanel Norte, último trecho a ser concluído, terá 44 km de extensão e interligará os trechos Oeste e Leste do Rodoanel

O plenário do Senado aprovou na tarde de hoje, 22/05, o empréstimo do Banco Interamericano de Desenvolvimento BID, valor orçado em US$ 1,148 bilhão, destinado à implantação das obras do Trecho Norte do Rodoanel. Hoje pela manhã a Comissão para Assuntos Econômicos (CAE) do Senado já havia aprovado o empréstimo e encaminhado para votação em plenária.

O Rodoanel Norte, último trecho a ser concluído, terá 44 km de extensão e interligará os trechos Oeste e Leste do Rodoanel. Ele inicia na confluência com a da avenida Raimundo Pereira Magalhães, antiga estrada Campinas/São Paulo (SP-332), e termina na intersecção com a rodovia Presidente Dutra (BR-116). O trecho prevê acesso à rodovia Fernão Dias (BR-381), além de uma ligação exclusiva de 3,6 km para o Aeroporto Internacional de Guarulhos.

Processo licitatório

No último dia 15, a DERSA - Desenvolvimento Rodoviário S/A recebeu os envelopes da documentação de pré-qualificação para os seis lotes das obras de implantação do trecho Norte do Rodoanel. Ao todo, 25 concorrentes manifestaram interesse em participar da licitação, sendo que 17 estão organizadas em consórcios e 8 empresas competirão individualmente. Além de construtoras brasileiras, empresas da Espanha, Itália, França, Portugal, México, Argentina e Coréia também se inscreveram no certame.

O número de concorrentes é considerado expressivo e superou aquele obtido para o Rodoanel Sul, em 2006, quando 18 licitantes disputaram os 5 lotes da obra, organizados em consórcios de até duas empresas e através de uma licitação nacional que limitava a adjudicação de um único lote para um mesmo vencedor.

Com valor de referência previsto em R$ 5 bilhões, a concorrência internacional para as obras do Rodoanel Norte é a maior licitação de obra rodoviária em andamento no país e está em conformidade com as normas e regulamentos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), um dos financiadores do empreendimento.

A próxima etapa do processo será a análise da documentação recebida, que deverá consumir cerca de dois meses em virtude da complexidade da obra e do volume de documentos apresentados pelos competidores. Ao final desta etapa, a DERSA publicará a relação de concorrentes que atenderam os requisitos mínimos do edital para cada dos seis lotes da obras, habilitando-os a apresentar proposta comercial para cada lote.

A escolha dos vencedores será pelo critério de menor preço integral em cada lote da obra. De acordo com edital da concorrência, um mesmo licitante poderá vencer até dois lotes de obras se conseguir comprovar, na pré-qualificação, proficiência técnica e saúde financeira para tal.

Empreendimento Rodoanel

O empreendimento, em seus quatro trechos (Oeste, Sul, Leste e Norte), está inserido na Região Metropolitana da Capital, que representa 30% do PIB Nacional. Obra de grande importância para o modal rodoviário atenderá o transporte de cargas de alto valor agregado, proveniente de todo o País, de passagem por São Paulo.

Os quatro trechos interligarão as 10 grandes rodovias que chegam à Capital: Bandeirantes (SP-348), Anhanguera (SP-330), Presidente Castello Branco (SP-280), Raposo Tavares (SP-270), Régis Bittencourt (BR-116), Imigrantes (SP-160), Anchieta (SP-150), Ayrton Senna (SP-070) e Presidente Dutra (BR-116) e Fernão Dias (BR-381).

Ao todo, o Rodoanel atravessará 17 municípios. No Oeste, São Paulo, Embu, Cotia, Osasco, Carapicuíba, Barueri e Santana do Parnaíba; no Sul, Embu, Itapecerica da Serra, São Paulo, São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires e Mauá; no Leste, Ribeirão Pires, Mauá, Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Itaquaquecetuba e Arujá. E, no Norte, São Paulo, Guarulhos e Arujá.

Assessoria de Imprensa
DERSA - Desenvolvimento Rodoviário S/A
Tel: (11) 3702-8110 a 8116
E-mail: transportes@transportes.sp.gov.br
SECRETARIA ESTADUAL DE LOGÍSTICA E TRANSPORTES