Polo Itaquera
Acessibilidade A+ A- C

Polo de Itaquera terá passarela com maior vão livre construída em São Paulo

O Complexo Viário do Polo Itaquera, na Zona Leste, terá uma nova passarela com 185 metros de extensão.

Obra facilitará locomoção de grande fluxo de torcedores a caminho da Arena Corinthians

São Paulo, 27 de agosto de 2012 - O Complexo Viário do Polo Itaquera, na Zona Leste, terá uma nova passarela com 185 metros de extensão. As restrições geométricas e condicionantes técnicas levaram a uma obra de grandes vãos, com um de aproximadamente 110 metros e outro com 75 metros.
 
Posicionada próxima ao Centro de Educação Infantil Professora Abigail Rocha Moreno, na rua Boipeva,  a nova passarela ligará a porção Norte do bairro de Itaquera ao futuro estádio do Corinthians, sobrepondo os trilhos do Metrô e da CPTM, bem como a Radial Leste e a Avenida José Pinheiro Borges (Nova Radial).
 
A passarela - a maior de São Paulo -  irá se destacar dentro do conjunto de obras previstas para o local, pois será a primeira obra de arte especial do novo complexo viário a ser avistada por quem atinge a região, vindo do centro, pela Radial Leste.
 
Atualmente, a passarela com o maior vão livre de São Paulo fica no Complexo Viário Maria Campos (96,5 metros), na divisa com Osasco, e também foi executada pela DERSA.
 
A obra será instalada com uma largura mínima de 6 metros para atender o fluxo concentrado de pessoas em dias de jogos. Com a nova passarela, a travessia dos pedestres procedentes da região Norte de Itaquera, a caminho do novo Polo Institucional de Itaquera (que inclui o novo estádio), será mais curta.
 
Hoje, para realizar este trajeto à pé é necessária a transposição dos trilhos por dentro da Estação Corinthians-Itaquera do Metrô, o que gera conflito com trânsito de usuários desses serviços.
 
Para esta licitação, a DERSA fará uso da modalidade "contratação integrada". Trata-se de uma novidade introduzida pelo Regime Diferenciado de Contratações Públicas (RDC) e que será usada pela primeira vez no Estado de São Paulo.
 
A contratação integrada prevê uma única licitação para o projeto e a construção, permitindo que o licitante tenha liberdade para apresentar a solução construtiva. A vantagem é que a economia para o Estado pode vir tanto em virtude de um projeto mais racional quanto pela queda do preço da obra.

Assessoria de Imprensa
DERSA - Desenvolvimento Rodoviário S/A
Tel: (11) 3702-8110 a 8116
E-mail: transportes@transportes.sp.gov.br
SECRETARIA ESTADUAL DE LOGÍSTICA E TRANSPORTE